Se inscreva para receber mais conteúdos relevantes, como este, sobre o universo infantil.

Ciclo da Infecção - como somos suscetíveis a infecções diariamente.

02/04/2020Saúde
Ciclo da Infecção - como somos suscetíveis a infecções diariamente.

Compartilhe:

Vimos este artigo publicado pelo Ottawa Public Health sobre o funcionamento de uma corrente de infecção e a importância de adotarmos medidas de higiene constantemente em nossas vidas.

Começando pelos Germes no canto superior direito da figura. Eles são os agentes da infecção (são as bactérias, vírus, parasitas). Logo abaixo está o local onde eles vivem ou se depositam que são chamados de reservatórios (estão nas pessoas, animais selvagens e de estimação (cachorros, gatos, repteis), comidas, solo, água). As portas de saídas para eles são a boca (vômito, saliva), cortes na pele (sangue), troca de fraldas (fezes). Eles se propagam / se transmitem pelo contato (mãos, brinquedos), gotículas de saliva (quando falamos, espirramos ou tossimos). As portas de entradas deles são novamente a boca, cortes na pele e olhos. As próximas pessoas suscetíveis a infecção são os bebês, crianças, idosos, pessoas com imunidade baixa, qualquer pessoa. Com isso o ciclo se repete.

Neste contexto é muito importante a assepsia e temos algumas dicas importantes para compartilhar e que já fazem parte da nossa rotina no Funny Hair.

Os itens compartilhados e superfícies de muito contato físico podem ser fontes de propagação de infecções, especialmente para nossas crianças. Tais superfícies incluem, além dos móveis, fechaduras de portas, registros de torneiras, interruptores, telefones, computadores, brinquedos, etc. Estas áreas podem facilmente ser contaminadas por vírus ou bactérias que podem se espalhar de uma pessoa para outra. No Funny Hair temos o PCPI – Plano de Controle e Prevenção de Infecções que são procedimentos de limpeza e desinfecção para prevenir a propagação de infecções em nossas lojas.

Qual a diferença de LIMPAR e DESINFETAR? Que produtos usar?

LIMPAR é a ação física de remover a sujeira da superfície. A limpeza com sabão ou detergente, e água, removerá materiais orgânicos tal como alimentos, suor, cabelos, gorduras da superfície. Os resíduos de sabão ou detergente devem ser enxaguados antes do procedimento de desinfecção. Isto previne a neutralização que pode acontecer pelo uso de alguns desinfetantes.

DESINFETAR

Deve ocorrer após a limpeza. Desinfecção inutiliza ou mata microorganismos (germes) que possam estar presentes nas superfícies que a limpeza não remove. Existem muitos desinfetantes que podem ter uso regular com a presença de crianças.

Existem produtos que limpam e desinfetam ao mesmo tempo e estes produtos devem conter uma identificação de tempo de desinfecção para contato, o que significa que é o tempo que o produto tem que permanecer na superfície sem nenhum contato para que ele possa ter o efeito de desinfecção. É muito importante checar as instruções do fabricante para tempo de contato e diluição do produto e ainda tomar cuidado com o odor que ele pode causar. Produtos em garrafas com tampas ou borrifador são os melhores para uso. No caso do borrifador, é melhor borrifar o produto no pano para depois fazer a limpeza e desinfecção. Evite o uso de produtos desinfetantes em forma de aerosol, pois eles podem propagar os germes juntamente com a solução no ar.

A solução de cloro para casa diluído em água é a forma mais barata e efetiva de desinfetante e pode ser usado na maioria das superfícies. É de fácil preparação, só que para ter efeito de desinfecção ele deve ser aplicado após a limpeza da superfície com detergente ou sabão.

A tabela a seguir pode ser usada como referência para preparação da solução de cloro:

Tradução: Carlos Eduardo de Lima

Fonte: https://www.ottawapublichealth.ca/en/index.asp

Deixe seu comentário:

Postagens relacionadas

Se inscreva para receber mais conteúdos relevantes, como este, sobre o universo infantil.
Tenha uma franquia Tenha um Funny Hair
Encontre a loja mais próxima